Saiba Quem Pode Participar do Bolsa Família

Criado pelo governo, o Bolsa Família é um programa de transferência direta para atender as famílias que se encontram em situação de extrema pobreza em todo País, sua criação foi com intuito de superar a situação de vulnerabilidade e pobreza .

Em todo o Brasil, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidas pelo bolsa família, programa busca garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde.

Bolsa Familia

Veja quais os objetivos do programa Bolsa Família:

  • Combater a fome e promover a segurança alimentar e nutricional;
  • Combater a pobreza e outras formas de privação das famílias;
  • Promover o acesso à rede de serviços públicos, em especial, saúde, educação, segurança alimentar e assistência social.

Quem pode participar do Bolsa Família

Somente pode participar do bolsa família, as famílias pobres que têm uma renda mensal de até R$ 77,00 por pessoa e as famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 77,01 e R$ 154,00 por pessoa, essas participam do programa, desde que tenham gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

Bolsa Familia

É necessário que a família esteja inscrita no cadastro único para programas sociais do governo federal, com seus dados atualizados para realizar o cadastro Bolsa família. Caso a sua família se encaixe em uma das faixas de renda definidas pelo programa, você deve procurar o setor responsável pelo Bolsa Família na Prefeitura de seu município, de posse dos seguintes documentos:

  • Para o Responsável Familiar: CPF ou título de eleitor;
  • Para os demais membros da família: qualquer documento de identificação, como a carteira de identidade, CPF, título de eleitor, certidão de casamento ou nascimento, carteira de trabalho.

Cadastramento Bolsa Família

O cadastramento é um pré-requisito, mas não implica na entrada imediata das famílias no programa, nem no recebimento do benefício. Mensalmente, o ministério do desenvolvimento social e combate à fome seleciona, de forma automática, as famílias que serão incluídas para receber o benefício.

Para saber se você foi incluído no bolsa família, consulte o responsável pelo programa programa na prefeitura de sua cidade ou consulte a lista de famílias beneficiárias. O programa conta com vários tipos de benefícios para enquadrar cada família a seu regulamento alguns deles citados abaixo:

  • Benefício Básico: concedido às famílias em situação de extrema pobreza (com renda mensal de até R$77,00 por pessoa). O auxílio é de R$ 77,00 mensais;

Benefício Variável: para famílias pobres e extremamente pobres, que tenham em sua composição gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças e adolescentes de 0 a 16 anos incompletos. O valor de cada benefício é de R$ 35,00 e cada família pode acumular até 5 benefícios por mês, chegando a R$ 175,00;

  • Benefício Variável Jovem: Destinado às famílias que se encontrem em situação de pobreza ou extrema pobreza e que tenham em sua composição adolescentes entre 16 e 17 anos. O valor do benefício é de R$ 42,00 por mês e cada família pode acumular até dois benefícios, ou seja, R$ 84,00.

Benefício para Superação da Extrema Pobreza: Destinado às famílias que se encontrem em situação de extrema pobreza. Cada família pode receber um benefício por mês. O valor do benefício varia em razão do cálculo realizado a partir da renda por pessoa da família e do benefício já recebido no programa bolsa família.

Se a sua família estiver entre as selecionadas você passa a contar com a ajuda do programa, o valor será de acordo com o tipo de benefício para o perfil de cada uma das famílias, você deve ficar antenado em qual perfil a sua família se encaixa para não haver duvidas na hora do recebimento.

Bolsa Família

É de extrema importância acompanhar o calendário do pagamento do seu beneficio o dia é definido a partir do último número do seu NIS, somente a partir desse dia é que você poderá sacar o seu benefício, antes disso ele não estará disponível. Observe no seu cartão o número e confira no calendário o dia que você irá receber em cada mês. Exemplo: Se o seu NIS termina em 4, no mês de janeiro você recebeu no dia 22/01, no mês de fevereiro foi no dia 19/02.

Já é possível acompanhar o pagamento do Bolsa Família pelo celular, que disponibilizam para todos os smartphones o aplicativo para ser baixado, além de ser rápido e prático oferece muitas vantagens para atender melhor o cidadão.